www.jornaldosespíritos.com

 
AACD
FUNDAÇÃO ABRINQ


EVANGELHO no lar

WELLINGTON BALBO
 

Inegável o valor das lições evangélicas no desenvolvimento moral da criatura humana. Quanto mais cedo se der o encontro do indivíduo com a mensagem cristalina de Jesus que exalta o amor, perdão, benevolência, compreensão, maiores serão as chances de sucesso existencial. O evangelho é, portanto, sublime roteiro de vida.
Partindo dessa premissa, não obstante as minha limitações, busco inserir Jesus no cotidiano de meus filhos. E pensando nisto que institui em casa o Evangelho no Lar em minha casa e realizamo-lo aos domingos há algum tempo. Porém, eu não tinha a pedagogia necessária para entretê-los nos estudos. Ficava aquela cosia chata, maçante e percebia que os resultados não eram animadores. Para eles aqueles minutos constituíam-se em aborrecimentos. Até que, por um desses “acasos”, certo domingo sentamo-nos em frente ao micro que estava ligado. Lemos um trecho evangélico e preparava-me para a explicação quando o garoto pediu-me para procurar na internet sobre Jesus e suas parábolas. Relutei um pouco, talvez condicionado a considerar que aqueles momentos eram incompatíveis com internet. Todavia, ante seu olhar faceiro quebrei as algemas de meu modelo mental obsoleto e busquei as parábolas do mestre na rede mundial de computadores.
Bingo!
Encontrei vasto material para crianças e jovens,  com desenhos animados narrando a epopeia de Jesus na Terra e mensagens belíssimas que transmitem as lições do Nazareno de forma lúdica e didática para os pequenos.
A partir de então nossas reuniões tornaram-se agradabilíssimas.
Os dois aguardam com ansiedade o domingo à noite e não raro emocionam-se com os feitos de Jesus.  Querem saber mais sobre Pedro e sua reabilitação após negar o mestre. Entristecem-se ao saber que Judas sucumbiu. Enfim, após inserir os vídeos como material de apoio em nossas reuniões verifiquei que os benefícios foram inúmeros.
Eles, agora, prestam atenção na leitura e nos ensinamentos. Dia desses até espantei-me com o menino pedindo desculpas à irmã, coisa que antes não fazia. Questionei-o sobre eu comportamento humilde, e ele, lembrando-se do vídeo em que Jesus ensina o perdão, explicou na simplicidade própria das crianças:
- Aprendi com o desenho do menino Jesus!
Se você tem acesso à internet e filhos pequenos, experimente realizar o Evangelho no lar apoiado pela tecnologia dos equipamentos ao seu dispor. As crianças e jovens irão apreciar e indubitavelmente os resultados serão positivos.
Abençoada tecnologia que nos proporciona ferramentas magníficas para fazer com que se prolifere a mensagem evangélica.
E pensar que muita gente a considera coisa do...
Perdoai-os, Senhor, eles não sabem o que dizem!

Ir para página principal...
 


Jornal dos Espíritos
- o seu jornal espírita na internet
 Copyright 2005 - Todos os direitos reservados.
 redacao@jornaldosespiritos.com
Microsoft Internet Explorer - 6.0 - Resolução: 800 x 600